Atendimento

0

Frete

Envios para todo o Brasil

Desconto

em pagamentos à vista

Atendimento

tire suas dúvidas por Whatsapp

Pague com cartão

em até 10x s/ juros

Segurança

Loja oficial

25/04/2023

Catadores cadastrados usarão triciclos em Fortaleza a partir de 2020

Os “Reciclos”, triciclos que vão estar associado a outros programas existentes, como os EcoPontos. O projeto faz parte do programa de ações de coleta seletiva e limpeza urbana

 

A Prefeitura de Fortaleza irá disponibilizar 90 triciclos para ações de limpeza urbana, com foco na coleta seletiva, a partir de 2020. Os veículos serão distribuídos a catadores cadastrados, por meio de associações da categoria. O Projeto Re-ciclo, como é chamada a iniciativa, será vinculado aos Ecopontos já existentes na capital. Os modelos dos veículos foram apresentados durante coletiva de imprensa nesta terça-feira (3), no Paço Municipal.

Além dos triciclos, que funcionarão de forma mecânica ou elétrica, os catadores poderão recolher recicláveis nas Ilhas Ecológicas, pontos de coleta seletiva espontânea que serão distribuídos pela cidade, de acordo com o prefeito Roberto Cláudio. Com uma capacidade de sete metros cúbicos, as unidades devem complementar o trabalho dos ecopontos. O objetivo é que a população entregue os resíduos de forma voluntária.

Serão instaladas 200 Ilhas Ecológicas até o final de 2020, segundo o prefeito. Os equipamentos devem ser implantados em áreas centrais da capital, que concentram mais volume de lixo. A Prefeitura deve realizar campanhas de engajamento da população para adesão ao projeto e à prática de reciclagem.

O Projeto Re-ciclo é coordenado pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP). Além dos novos equipamentos, o pacote de melhorias prevê a ampliação da infraestrutura, campanhas de conscientização e aperfeiçoamento dos projetos sociais.

Outros beneficiados serão os carroceiros, que devem receber 780 novos carrinhos após credenciamento nas regionais.

Ecopontos

Ao longo de 2020, devem ser implantados mais de 50 Ecopontos em Fortaleza. A Capital já conta com 65 equipamentos em todas as regionais. O projeto oferece o benefício do programa Recicla Fortaleza, que dá crédito para desconto na conta de energia elétrica em troca da entrega de resíduos recicláveis. Já foram coletadas mais de 120 mil toneladas de materiais recicláveis. O programa gerou benefício total de R$ 613.706,37 distribuídos na conta de energia para um total de 26.507 usuários cadastrados no sistema.

Os Ecopontos que mais recebem esse tipo de resíduo são Sapiranga, Fátima, Varjota, Messejana, Leste Oeste e Barra do Ceará.